Oito erros com sua roupa íntima!


Por: Izabela Biscaro
18 de dezembro de 2015
Divulgue esse post:

A roupa intima é indispensável em nosso cotidiano. Porém, já parou para pensar em como ela pode, em alguns casos, prejudicar a sua saúde? Então qual tecido ideal para as peças? Você veste o modelo certo de sutiã?

Pensando nessas e em outras perguntas frequentes sobre as roupas intimas e separamos alguns erros comuns que cometemos. Confira e tente evitar!

O uso de calcinhas com tecidos sintéticos

7

Não é proibido usar calcinhas que não sejam de algodão, mas alguns tecidos sintéticos retém a umidade da região vaginal, criando um ambiente perfeito para a proliferação de bactérias e fungos. Por isso, é importante que a área da virilha seja forrada com algodão, para permitir que a pele respire. Saiba sobre os benefícios e vantagens em escolher calcinhas de algodão aqui.

Peças muito justas ou apertadas

5

São desconfortáveis e chamam a atenção de modo bem negativo. Ninguém que ficar com a região da vagina marcada, certo (o famoso “capo de fusca” ou “pata de camelo”)? Peças íntimas femininas ou masculinas apertadas podem trazer irritações na pele, principalmente nas mulheres, fazendo com que a região fique ainda mais sensível. 

Peças suadas

Infelizmente, nossas regiões íntimas são muito sensíveis a bactérias e fungos. Quem transpira demais nessa área deve tomar os cuidados necessários, trocando a peça intima pelo menos duas vezes ao dia e mantendo a higiene intima sempre em dia, Confira aqui se você sabe o suficiente sobre a higienização intima.

Lavar as peças com sabão e amaciantes comuns

Acredite, se você já sentiu alguma coceira desconfortável na região intima, pode ter sido a chamada dermatite de contato, que é uma forma bem comum de irritação e causada principalmente pela alergia a amaciantes e detergentes de lavar roupa. Ou seja, escolha lavar as peças sempre que possível com produtos neutros e, se possível, hipoalergênicos.

 

Usar roupa intima para dormir!

6

Sim, a melhor e mais saudável forma de dormir é sem calcinha , deixando a vagina respirar ao máximo, evitando a humidade e calor na região.

 

Uso frequente de calcinha fio dental

3

Há quem use frequentemente e não se incomode, porém o uso de calcinhas fio dental pode ser um veículo de transporte das bactérias da região anal para a vaginal. Então fica o alerta!

 

Modeladoras

1

Peças muito apertadas, como cintas, modeladoras e espartilhos podem causar problemas na circulação sanguínea e, caso estejam muito justos, ainda causar algum problema urinário. Isso acontece no caso de ficarmos segurando muito tempo para ir ao banheiro devido à dificuldade de tirar uma peça.

 

Não usar nada por baixo

4

Dormir sem calcinha é o certo, mas durante o dia não é correto ficar sem peça intima. Não usar nada por baixo da roupa pode causar muitos problemas, principalmente porque nossas roupas não costumam ter forro, ou podem ser grossas como o jeans, causando irritação e incomodo.

(Imagens: Reprodução)

Leia Também

Deixe o seu comentário

0 Comentários

Deixe o seu comentário!