Espartilho, Corselet, Corpete: qual a diferença?


Por: Blog da Lingerie
1 de junho de 2018
Divulgue esse post:

Espartilho, corselete e corpete. Três palavras diferentes que muitos acreditam se tratar da mesma peça, mas será? Nosso idioma já tem muitas palavras que se parecem e quando trazemos palavras de fora pro vocabulário então… Nos dicionários de moda é muito comum encontrarmos palavras semelhantes que se referem a peças completamente diferentes, assim como peças parecidas, com nomes diferentes. É o caso dessas três, mas trazemos o esclarecimento que você precisa nesse post!

Espartilho

 

Os espartilhos ou corsets surgiram no século XV para ajustar e manter ereta a postura das mulheres. Originalmente, essa peça era muito rígida, produzida com camadas de linho e podiam possuir até mesmo barbatana de baleia na sua composição, por isso, muitas mulheres chegavam a desmaiar com o seu uso tamanha a compressão do ar.

Atualmente, as peças vendidas com esse nome são muito menos rígidas e, seu uso, é mais saudável. Os espartilhos de hoje em dia são ainda estruturas firmes, com barbatanas verticais ainda bastante rígidas, em aço ou alumínio. A peça envolve toda a região da barriga e possui uma amarração entrelaçada na parte de trás para ser fechada; Ele serve para, sobretudo, comprimir as costelas e afinar a cintura. A longo prazo, o efeito na cintura pode se tornar permanente.

 

Corselete

 

O corselete se assemelha ao espartilho e é o que mais gera confusão. Diferente do primeiro, os corseletes são menos rígidos, ainda que estruturados, podendo ser construídos em apenas uma camada de tecido. Ele também possui barbatanas, muitas vezes de aço, mas eventualmente de plástico ou silicone. A maior diferença está no fechamento. Os espartilhos necessariamente precisam ser fechados com amarração, enquanto o corselete pode ter seu fechamento em ilhóses e até mesmo zíper.

O efeito também é diferente. O corselet tem uma estrutura normalmente acinturada, podendo criar uma aparência de cintura mais fina. Mas essa peça não faz nenhuma alteração permanente no corpo. Alguns modelos, em tecido modelador, causam efeitos visuais, enquanto outros são apenas para compor o look.

 

Corpete

 

Os corpetes possuem alça, decote coração e são ajustados a silhueta. Podem possuir barbatanas, mas normalmente são em material de menor qualidade. De forma geral, o corpete é uma peça de qualidade inferior que as demais, não possui uma estrutura rígida, pode não possuir forro e até mesmo suas costuras e barbatanas são menos resistentes. Podem aparecer numa versão para ser exibida, como uma blusa tradicional, em tecidos mais firmes. Ou na versão lingerie, em tecidos mais finos, com alça ajustável e recortes mais sensuais.

 

Peças parecidas, mas diferenças sutis. É por isso que ter atenção e conhecimento é fundamental na hora de comprar sua lingerie, assim, você não chega buscando por uma peça e levando outra. Até mesmo porque existe uma diferença no preço: espartilhos tendem a ser mais caros que corseletes que, por sua vez, são mais caros que corpetes.

Mas temos certeza que, depois de ler nosso post, você não vai mais confundir espartilho, corselete e corpete. Compartilhe nas redes sociais para que mais gente possa saber!

Leia Também

Deixe o seu comentário

0 Comentários

Deixe o seu comentário!